Postagens

Mostrando postagens de 2015

Se o mundo é mesmo parecido com o que vejo, prefiro acreditar no mundo do meu jeito.

Quando estava voltado do trabalho, de carro, parado em um sinal em Belo Horizonte tarde da noite, reparei que havia um morador de rua e que possui uma quantidade considerável de mercadorias. Posso ter certeza que essa mercadoria ele deixara ali para realizar a venda no sinal. Mas ele não
estava fazendo as vendas. Porque?
- Porque ele estava ocupado lendo alguma coisa no celular. E entretido escrevendo alguma coisa com muita concentração. Suponho que estava respondendo a alguma mensagem. E então comecei a ver como, parece uma redundância o que vou falar, mas comecei a reparar na globalização da comunicação. Ela atingiu todos os níveis sociais e todo o processo costumeiramente criado.

Lembro a alguns dias atrás quando o meu carro teve que ficar na oficina e eu fui obrigado a andar de ônibus. Não, sei que estão perguntando, mas a resposta é: não!!!. Não tenho nenhum problema em pegar ônibus. Mas a muito tempo, desde que eu tenho carro, eu raramente voltei a andar de ônibus metropolitano…